Eu e você

Arte por Anton Maraast
Arte por Anton Maraast

 

Se eu soubesse descrever

Sem saber

O que é que envelher, casar com alguem

Ver o tempo passar além,

Passeando pelo seu, pelo meu rosto

Me trazendo todo domingo uma xícara de café

Eu diria até  logo meu amor, te vejo de noite

Eu diria que a vida com você é vida,

Só que muito mais legal

 Pra cada colher de requeijão

Que eu passar no seu pão

pra cada discussão,

com ou sem ponto de partida

pra cada delírio entorpecente

pra cada vez que a gente

se juntar bem juntinho

entrando um no outro

pra cada arroto que der o bebê

pra cada vez que a gente morrer,

nascer de rir

pra cada dia que eu te ver partir e voltar

e me amar como se nunca tivesse me visto antes

pra cada instante que eu esquecer

que você é todo pra mim

assim, tão lindo…

pra tudo que acontecer

entre eu e você

eu e você….

Vou ser entusiasta

Mesmo gasta,

Cansada com pé doendo

Vou estar torcendo

Por eu e você

Eu e você

Sem saber

Sempre soubemos

Deixe uma resposta